Recém-contratado pela diretoria do Corinthians, o técnico Vitor Pereira vive um dilema na equipe do Parque São Jorge. Sem conseguir emplacar com o time recheado de estrelas, o português questiona se é possível implementar a sua filosofia de jogo, baseada na intensidade para recuperar a bola e muita movimentação, colocando veteranos em campo, como Paulinho, Renato Augusto e Willian. Eliminado na semifinal do Campeonato Paulista, o treinador terá uma semana para pensar sobre o tema e aprimorar a parte física do seu elenco até a estreia na fase de grupos da Copa Libertadores da América, marcada para a próxima terça-feira, 5, diante do Always Ready, na altitude da Bolívia. Na chave E, a equipe corintiana também terá Boca Juniors (Argentina) e Deportivo Cali (Colômbia) como adversários.

Enquanto analisa melhor o plantel do Corinthians, Vitor Pereira também amarga o seu pior início de trabalho na carreira. Desde que passou da função de auxiliar para treinador do Porto, em 2011, o treinador não teve um retrospecto tão ruim no começo de um clube. Até o momento, sob o comando do português, o Alvinegro disputou seis partidas, perdendo duas vezes para o São Paulo e uma para o Palmeiras, empatando com o Guarani e vencendo apenas Novorizontino e Ponte Preta, times que foram rebaixados para a Série A2 do Paulistão. Antes disso, os resultados de menor expressão de Pereira em um início de trabalho foi no Al Ahli (Arábia Saudita), quando somou dois triunfos, três empates e um revés, em 2013 – seu time, na ocasião, foi eliminado das Liga dos Campeões Asiáticas para o FC Seoul (Coreia do Sul).

Resultados dos 6 jogos iniciais de Vitor Pereira por onde passou:

  • Porto (2011) – 5 vitórias e 1 derrota
  • Al Ahli (2013) – 2 vitórias, 3 empates e 1 derrota
  • Olympiacos (2015) – 6 vitórias
  • Fenerhbahçe (2015) – 3 vitórias, 2 empates e 1 derrota
  • Munique 1860 (2017) – 3 vitórias e 3 derrotas
  • Shangai SIPG (2017) – 5 vitórias e 1 empate
  • Fenerbahçe (2021) – 5 vitórias e 1 empate
  • Corinthians (2022) – 2 vitórias, 1 empate e 3 derrotas

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.