Treinador da Argentina, Lionel Scaloni confirmou que Messi irá enfrentar a Venezuela na próxima sexta-feira, 25, na Bombonera, em jogo válido pela 17ª rodada das Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo de 2022. Fora do último jogo do Paris Saint-Germain por causa de um quadro gripal, o dono de sete taças da Bola de Ouro está recuperado e irá participar do duelo contra os venezuelanos, marcado para às 20h30 (de Brasília. O técnico, no entanto, tem algumas dúvidas para o duelo, como o meia-atacante. Ángel Di Maria. “Não podemos ter a lista montada do jeito que gostaríamos. Quem conseguir jogar vai fazer da melhor maneira. O Leo (Messi) está bem, treinou normalmente e está disponível para jogar”, disse.

Na próxima terça-feira, a Argentina enfrenta o Equador, no Monumental de Barcelona, fora de casa, pela última rodada das Eliminatórias. Já classificada para a Copa do Mundo de 2022, a equipe de Scaloni passa a se preparar para o Mundial do Catar, que será realizado entre 21 de novembro e 18 de dezembro deste ano. Para o torneio, o técnico confirmou que levará para o Oriente Médio o ex-atacante Sergio Agüero, que pendurou as chuteiras precocemente devido a um problema cardíaco. “Sergio (Agüero) será sempre bem recebido. É muito importante sabermos o papel que ele pode desempenhar. Sim, ele estará lá e virá conosco para a Copa do Mundo. Merece reconhecimento. Para nós, é bem-vindo”, comentou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.