A tenista ucraniana Elina Svitolina, número 15 no ranking mundial da WTA, anunciou nesta segunda, 28, que não jogará contra tenistas russas e bielorrussas em protesto contra a invasão da Rússia à Ucrânia, que contou com o apoio de autoridades de Belarus. Svitolina tinha estreia marcada no ATP 250 de Monterrey, no México, nesta segunda contra a russa Anastasia Potapova. “Gostaria de anunciar que amanhã não jogarei em Monterrey e não disputarei nenhuma partida contra tenistas russas e bielorrussas”, declarou à agencia ucraniana “Ukrinform”. A tenista alegou que “a situação atual requer uma posição clara das organizações: ATP, WTA e ITF”. “Portanto, nós, ucranianos, solicitamos que sigam as recomendações do Comitê Olímpico Internacional (COI) e admitam os atletas russos e bielorrussos apenas como atletas neutros”, argumentou. Svitolina deixou claro que não culpa os atletas russos pela agressão ordenada pelo presidente da Rússia, Vladimir Putin, no dia 24 de fevereiro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.