O ator Ezra Miller, protagonista de “The Flash”, próximo filme da DC, foi preso em Hilo, no Havaí, na manhã da última segunda-feira, 28. O artista, que também está no elenco do aguardado “Animais Fantásticos: Os Segredos de Dumbledore”, foi acusado de conduta desordeira e assédio após gerar confusão em um bar. Segundo divulgado pelo Departamento de Polícia do Havaí, o artista, de 29 anos, “ficou agitado quanto os clientes do bar começaram a cantar no karaokê” e “começou a gritar obscenidades”. Ele também “pegou o microfone de uma mulher de 23 anos que estava cantando no karaokê e depois atacou um homem de 32 anos jogando dardos”.

Miller foi preso, mas logo foi liberado por pagar uma fiança de US$ 500. Essa não é a primeira confusão que o ator se envolve. De acordo com a Variety, em 2020, circularam imagens do intérprete de Flash aparentemente sufocando uma mulher em um bar na Islândia. Pessoas que estavam presentes no local descreveram a situação como uma briga séria que fez Ezra sair escoltado do bar. A Warner Bros. não comentou sobre a prisão do ator, que tem papal de destaque na sequência de “Animais Fantásticos”. O spin-off de “Harry Potter” tem sua estreia mundial programada para abril deste ano. Já o filme solo do super-herói da DC deve chegar aos cinemas em junho de 2023.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.