Christian Eriksen poderá a voltar a jogar uma partida oficial de futebol neste sábado, 26, exatamente 258 dias após sofrer uma parada cardíaca – o meio-campista caiu desacordado em campo e precisou ser ressuscitado no dia 12 de junho, no confronto entre Dinamarca e Finlândia, pela primeira rodada da Eurocopa. Contratado pelo Brentford, da Inglaterra, há duas semanas, o dinamarquês foi relacionado pelo técnico Thomas Frank para o duelo diante do Newcastle, pelo Campeonato Inglês. Vale lembrar que o armador havia rescindido com a Inter de Milão por causa do ICD (cardioversor desfibrilador implantável) no coração, implantado em seu coração após o incidente – na Itália, é proibido jogar profissionalmente com o aparelho.

“Christian Eriksen estará no elenco e entrará em campo amanhã. É um grande dia para todos nós, mas especialmente para Christian e sua família”, festejou o comandante. “Para todos os envolvidos no futebol que viram o que aconteceu, é mais um daqueles lembretes de que somos privilegiados por fazer o que fazemos e estarmos vivos. Precisamos apreciar todos os dias e todos os momentos”, completou o treinador, sem revelar se o dinamarquês inicia ou entra no decorrer da partida. Recuperado, Eriksen já participou de dois amistosos desde que chegou ao clube inglês e tem como meta participar da Copa do Mundo de 2022 – a Dinamarca já está garantida no Mundial do Catar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.