Rogério Ceni lamentou o vice-campeonato do São Paulo no Paulista, na tarde deste domingo, 3, ao ser derrotado pelo Palmeiras, no Allianz Parque. De acordo com o treinador, o Tricolor não segurou a vantagem do primeiro jogo porque perdeu várias disputas individuais e não conseguiu ficar com as sobras. “Não conseguimos jogar como vínhamos em jogos importantes, como na semifinal, como contra o próprio Palmeiras. Hoje infelizmente não conseguimos ser capazes. Perdemos muito a segunda bola, todo escanteio. Hoje o time não conseguiu render o que nós esperávamos, e o Palmeiras tem uma equipe experiente, madura e aqui foi mérito do Palmeiras também. Nós todos fomos abaixo do que o São Paulo pode”, declarou o técnico. “Em momento algum tivemos controle no jogo, um pouco no segundo tempo. Mas no primeiro não conseguimos proteger e dar continuidade na jogada. Pouca chance de gol. Realmente um jogo abaixo da média dos jogos que apresentamos no campeonato”, lamentou.

Apesar disso, Rogério Ceni tratou de valorizar a campanha do Tricolor no Paulistão, onde conseguiu 4 dos 6 clássicos disputados. “O que era possível fazer esse time fez. É um momento de tristeza, mas orgulho de chegar até aqui. Não é dia de caçar culpados. Temos que entender as diferenças e dentro de tudo que foi possível… Os mesmos garotos entregaram na competição e nos trouxeram até aqui. Precisa evoluir a cada dia”, pontuou. “O que eu achei que nós conseguimos mudar a chave que a gente imaginava, foi justamente essa força do meio de campo, Igor, Sara, Pablo. O Pablo surgiu em uma Copinha, não sabíamos… Entrou bem, ocupou seu espaço com méritos. Esses garotos deram a energia que esse time precisava para enfrentar times superiores ao nosso”, acrescentou o técnico.

O São Paulo, agora, volta a campo na próxima quinta-feira, 7, quando visita o Ayacucho, no Peru, pela primeira rodada da fase de grupos da Copa Sul-Americana. Para a estreia do time no torneio da Conmebol, Ceni já avisou que colocará um time completamente diferente em relação ao que entrou em campo no Allianz Parque hoje. Segundo o comandante, o foco é descansar os titulares para a rodada inicial do Campeonato Brasileiro, contra o Athletico-PR, no Morumbi, pelo próximo domingo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.