A atriz Carolinie Figueiredo usou as redes sociais na última quarta-feira, 16, para lamentar a perda da sua avó, que era chamada de Baba pela artista. Em um post feito no Instagram, ela disse que precisou se despedir “do grande amor da sua vida” e falou que sempre viu a avó como uma mãe. A casa em que Caroline está morando fica em cima da que Baba morava e foi ela quem socorreu a avó. A artista não falou qual foi o motivo do óbito, mas contou que os últimos momentos da idosa foram com ela. “Ela morreu no meu colo esperando a ambulância chegar. Apesar do choque me sinto privilegiada por ter sido seu colo para o descanso”, disse Caroline, que também reclamou do serviço de saúde pública do Rio de Janeiro.

“Aqui na zona Norte carioca, os serviços [de saúde] são precários, a gente vive no esforço, na luta e no limite da sobrevivência.” Em seu relato, a artista enfatizou que a avó viveu em função da família: “Nessa sociedade maluca não ensinam a valorizar o cuidado. Minha avó existiu para cuidar do marido, das filhas, dos netos e bisnetos”. Por fim, ela agradeceu Baba por todo carinho e cuidado que recebeu. “Há dois dias ela me dizia: ‘Estou com um choro preso que não consigo soltar’. E agora numa onda forte de lágrimas e gratidão ofereço meu corpo para chorar todas as lágrimas retidas. E gritar tudo que essa mulher revolucionária, porém reprimida por cultura, não pode expressar.”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.