Em sua estreia como capitão, o meia Raphael Veiga continuou sendo decisivo e garantiu a vitória do Palmeiras contra o Santos por 1 a 0 pela 11ª rodada do Campeonato Paulista deste ano. O duelo foi realizado na noite de domingo, 13, no Allianz Parque, e foi decidido por cobrança de pênalti. Por ter convertido a penalidade, Veiga segue com 100% de aproveitamento nas cobranças de pênaltis em tempo regulamentar. Seja em disputas de pênalti ou no tempo regulamentar, o camisa 23 segue com aproveitamento máximo: 19 gols em 19 cobrança, sendo 17 no tempo normal de jogo. Isso faz com que ele seja o artilheiro do Palmeiras em gols de pênalti neste século. Desde 1990, ele é o quarto jogador com mais tentos obtidos após cobranças, sendo superado apenas por Edumundo (19), Arce (28) e Evair (32). Além disso, Veiga subiu para a 60ª posição na lista de maiores artilheiros do clube, sendo o quarto maior no século XXI, com 48 gols, superado apenas por Vágner Love (54), Willian Bigode (66) e Dudu (77). Mesmo diante da ótima fase, Raphael Veiga foi deixado de fora da convocação mais recente de Tite para a seleção brasileira e dificilmente estará na lista da Copa do Mundo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.