Campeão paulista pela 24ª com goleada contra o São Paulo que representou uma reviravolta histórica, o Palmeiras dominou a seleção do torneio, com cinco jogadores e o craque da competição, Dudu. “Divido esse prêmio com todos do clube”, disse o melhor jogador do Estadual. A Federação Paulista de Futebol (FPF) divulgou os integrantes da equipe ideal da competição nesta segunda-feira, 4, em evento na zona oeste da capital. O time de Abel Ferreira colocou Weverton, Gómez, Danilo, Raphael Veiga e Dudu na seleção do Paulistão. Considerando todas as posições, só não teve representante nas laterais. Veiga afirmou na premiação que até seus amigos lhe perguntam sobre a seleção brasileira “Às vezes não sei o que responder. Mas tenho que continuar trabalhando que as coisas vão acontecer naturalmente”, comentou. “Sou muito feliz no Palmeiras. Quero continuar ganhando títulos”, emendou.

O São Paulo teve três representantes na formação ideal: o lateral-direito Rafinha, o centroavante argentino Calleri e o técnico Rogério Ceni. O volante Pablo Maia foi eleito a revelação do Paulistão. Calleri foi escolhido o craque da galera e seu gol de bicicleta contra o Água Santa, o mais bonito. O Bragantino também teve três representantes: o zagueiro Léo Ortiz, o lateral-esquerdo Luan Cândido e o atacante Artur. O Corinthians pôs apenas Renato Augusto entre eleitos, e o Santos, eliminado na primeira fase, ficou sem atletas na seleção. A eleição dos atletas foi feita pelos técnicos e capitães dos 16 times participantes do certame e escalada no 4-3-3. O presidente da FPF fez um discurso breve na abertura do evento. “Podemos dizer sem medo que o Paulistão que completa 120 anos é um divisor de água para o futebol nacional”, afirmou Reinaldo Carneiro Bastos. “É normal sentir medo do novo, mas não podemos ficar estagnados. Temos que ousar e arriscar”, acrescentou.

*Com informações do Estadão Conteúdo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.