No pronto socorro do Hospital Sabará, em São Paulo, o atendimento a crianças com Covid-19 cresceu 593%. Na unidade privada, foram registrados em janeiro deste ano 534 casos contra 77 do mesmo mês em 2021. Já as internações triplicaram de 17 para 70. Entre os diagnosticados com Covid-19, 55% tem menos de cinco anos de idade. Entre os internados, 66% estão nessa faixa etária.  Os que apresentam quadros mais graves, que precisam de UTI, costumam ficar de uma a duas semanas hospitalizados. Os mais leves, de um a dois dias. Segundo os especialistas, a volta às aulas e a circulação ainda alta da variante Ômicron do novo coronavírus devem manter ou acelerar esses números em fevereiro. Os médicos também avaliam que, com a maioria dos adultos já vacinados, as crianças estão mais expostas e se tornam vetores de transmissão da doença. Em São Paulo, mais de 1 milhão de crianças de 5 a 11 anos já foram vacinadas com a primeira dose.

*Com informações do repórter Vinicius Moura 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.