A Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) premiou na última quinta-feira (16) à noite, na zona oeste de São Paulo, os melhores da temporada na modalidade. O paulista Alison dos Santos, o Piu, e a pernambucana Erica Sena foram eleitos os atletas do ano.

Alison, de 21 anos, quebrou seis vezes o recorde sul-americano dos 400 metros com barreiras e foi medalhista de bronze da prova na Olimpíada de Tóquio (Japão). Erica também competiu na capital japonesa e ficou próxima do pódio dos 20 quilômetros da marcha atlética, mas sofreu uma punição de dois minutos, poucos metros antes da chegada, que a derrubou do terceiro para o 11º lugar. A marchadora de 36 anos vive em Cuenca (Equador) e não pôde estar presente na cerimônia.

A carioca Chayenne Pereira, de 21 anos e atleta olímpica dos 400 metros com barreiras, foi eleita a revelação feminina, enquanto Erik Cardoso venceu o prêmio no masculino. No Campeonato Brasileiro sub-23, em setembro, o paulista de também 21 anos estabeleceu a segunda melhor marca do país na história dos 100 metros, cravando 10s01, a um centésimo do recorde de Robson Caetano, que perdura desde 1988.

“Ficamos bem pertinho do recorde dos dez segundos, mas foi uma prova muito boa. O ano foi incrível, tivemos resultados excelentes, viajamos para competições de nível muito forte. Sem dúvidas é uma honra representar o Brasil. Eu trabalho com muita paciência ao longo dos dias. Sei que para chegar a uma final olímpica e conquistar uma medalha temos que estar muito bem. Quero seguir evoluindo e chegar bem em Paris [França, sede dos Jogos de 2024]”, celebrou Erik em entrevista ao vivo à TV Brasil.

No evento também foram premiados os Atletas da Galera, escolhidos por votação popular. Entre os homens o escolhido foi o paulista Renan Akamine, promessa de 15 anos dos saltos com vara e em distância. No feminino Simone Ponte Ferraz, catarinense de 31 anos e fundista dos três mil metros com obstáculos, foi a vencedora.

Já o prêmio de imagem do ano foi para o momento em que o paulista Thiago Braz, campeão olímpico do salto com vara no Rio de Janeiro, aparece envolto pela bandeira do Brasil após conquistar o bronze nos Jogos de Tóquio. O registro do medalhista, que completou 28 anos justamente na última quinta, foi feito pelo fotógrafo da CBAt, Wagner Carmo.

Ouça na Rádio Nacional

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.