O Internacional anunciou na tarde desta sexta-feira, 15, que decidiu demitir o treinador Alexander Medina. Contratado no fim do ano passado, o uruguaio não conseguiu fazer o Colorado apresentar um bom futebol, ficando com o vice-campeonato no Gaúcho e começando mal o Brasileirão e a Copa Sul-Americana. Sua última partida à frente do time aconteceu na última quinta-feira, com o 1 a 1 diante do modesto Guaireña (Paraguai), pela segunda rodada do torneio continental. Ao todo, o técnico dirigiu o Inter em 16 jogos, colecionando seis vitórias, cinco empates e cinco derrotas.

Além dele, deixam o clube os auxiliares Fernando Machado e Jadson Vieira; os preparadores físicos Alexis Olariaga e Richard González; e o analista de desempenho Mariano Levisman. “O clube agradece e deseja sorte e sucesso na sequência de suas carreiras”, diz o comunicado da diretoria do Internacional. Quem assumirá a equipe interinamente na próxima partida, marcada para domingo, 17, diante do Fortaleza, pelo Brasileiro, no Rio Grande do Sul, será o auxiliar técnico Cauan de Almeida. 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.